segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

AVELÃ - "NA ERA DO GELO"

Em raros momentos de lazer, estava ontem assistindo um filme que gosto muito pois é sempre bom voltar a ser criança, livre dos infortunos problemas de adulto.



Eu e minha globeleza estavamos assistindo “Na Era do Gelo 3” e como riámos com as tiradas super engraçadas, e aquele esquilo!!, o que é aquilo!!, muito bom. Até que me deparei com a pergunta da minha filha sobre o tal fruto quel o esquilo corre tanto atrás, e por um instante falei que era uma Nós-pecã e me dei conta logo em seguida que era uma AVELÃ e quando falei que era a tal avelã ela me perguntou como era a árvore que dá o fruto avelã.


- putz!!!!! Fiquei com cara de bobo, afinal eu também nunca vi um pé de avelã, aliás nem de avelã, nem de maçã e nem de muitas frutas que existem e que já encontramos colhidas no mercado vizinho.


- Ou você já viu?? você é sabichão heinnnn !!! parabéns!!!


Nada como virar tema do blog não é mesmo? Afinal eu não sei de tudo e assim como você também estou aprendendo e te falo uma coisa , criança sai com cada uma!!!!!!


Avelã aqui no Brasil a gente só vemos geralmente na época de natal ou então naquele pote famoso de Nutella. E quando compramos o fruto para alguma culinária já compramos pronto(descascado) para o consumo, mas o fruto como é ??? como se colhe??? Você já se perguntou???


Estou me perguntando agora!! e bendita internete!!, enquantos uns adoram ficara na sala de bate papo(eu, eu, eu, eu....) , eu fico pesquisando assuntos que tragam resposta aos meus questionamentos culinários, hum hum hum !!!! verrrdade (agora com sotaque Paulista)


Descobri que avelã é o fruto da aveleira , um arbusto da família Betulaceae, que cresce naturalmente em quase toda a Europa, Ásia Menor e parte também da América do Norte. Consiste em um fruto mais ou menos esférico, lenhoso e indeiscente, cuja casca é extremamente resistente. Em seu interior encontra-se a semente comestível, de sabor levemente adocicado e algo oleaginosa.



O grupo inclui seis géneros de árvores, e menos frequentemente arbustos, de folha caduca, incluindo a aveleira ou a bétula, por exemplo. A grande maioria das árvores betuláceas são nativas das zonas temperadas do Hemisfério Norte. As betuláceas podem ser cultivadas pelo homem para uso económico (pela madeira ou frutos comestíveis) ou como árvores ornamentais.A avelã é consumida ao natural, ou usada em doces, normalmente associada ao chocolate, ao qual acrescenta um sabor muito apreciado.





A avelã é utilizada para a elaboração de produtos de grande riqueza alimentar, como o leite de avelã, manteiga de avelã, pasta de fruta de avelã, pastéis de avelã, biscoitos de avelã.


A casca e as folhas da Aveleira ou Avelaneira têm as seguintes aplicações:

Tónico do sistema venoso, favorece o retorno do sangue ao coração. A decocção de casca e folhas, ingerida em chá ou aplicada em compressas é recomendada em cassos de varizes, flebite e hemorróidas, por ser vasoconstritor.


É útil nas feridas de difícil cicatrização, tendo efeitos sedativos e anti-inflamatório.


Os Amentilhos (espigas florais) e o seu pólen, colhidos na Primavera são depurativos e febrifugos pelo que se utilizam em casos de gripe ou constipação e em casos de obesidade para depurar o organismo e provocar perda de peso.


As avelãs são ricas em calorias e substancias nutritivas, devendo mastigar-se bem. Têm efeito hipertensor, fazendo subir ligeiramente a pressão arterial.


O Óleo de Avelãs é adstringente e recomenda-se para peles gordurosas e acne.






Dioscórides (sec I a.C) recomendava as avelãs para doenças respiratórias; Santa Hildegarda aconselhava-as contra a impotência masculina ( o que vai ter de gente agora querendo comer, putz vou agora direto pro mercado!!!!!); Mattioli, médico ilustre do séc XVI, aplicava-as em loção, trituradas e misturadas com banha de urso, para fazer crescer o cabelo…

(in Enciclopédia das Plantas Medicinais)


Como a Nutella é o creme de chocolate mais popular na Itália e recentemente está conquistando os paladares brasileiros.


Ótima para rechear bolos, deliciosa no pão, presente também em muitas receitas alternativas de massas e carnes e não tem igual na hora de satisfazer aquela vontade de algo doce comendo uma boa colherada do creme de chocolate e avelã.


Descobri esta receita de Nutella , claro que fica mais saborosa daquela comprada no mercado e por isso resolvi compartilhar



CREME DE CHOCOLATE COM AVELÃ


Ingredientes

45 g de avelãs tostadas e sem pele

30 g de chocolate( o ideal é com 20% de manteiga de cacau)

30 g de chocolate branco

350 ml de leite integral

65 g de açúcar

1 g de lecitina de soja


Modo de Preparo
1º - Bater no liquidificador por alguns minutos as avelãs junto com uma colher de açúcar e a lecitina de soja e continuar a bater até que não sair o óleo das avelãs


2º - Acrescentar duas colheres de açúcar ao chocolate e mexer bem com 50 ml de leite até formar um creme bem denso. Acrescentar no creme de cacau a pasta de avelãs até obter um composto homogeneo e fluido, acrescentar 50 ml de leite.


3º - A este ponto, colocar no fogo os 250 ml de leite restantes junto ao açúcar, ao chocolate branco até o derretimento completo. Acrescentar o creme de cacau feito anteriormente, mexendo em fogo baixo


4º - Cozinhar e mexer por cerca de 40 minutos até obter um creme denso. Colocar o creme em um pote de vidro e fechar só quando este esfriar. AÍ PRONTO É SÓ SE DELICIAR.


Descobri um VIDEO que ensina a colher este fruto dá uma olhada e pronto matei minha curiosidade, agora vou pra Europa ver a árvore de perto.

1 comentários:

bu Fioratto disse...

Nem todas as imagens que você utilizou para ilustrar sua pesquisa têm a ver com a avelã. Essa árvore com grandes frutos redondos é um abricó de macaco, árvore nativa da amazônia. Já a imagem que apresenta um "ouriço" cheio de espinhos com três castanhas dentro, são castanhas portuguesas (que cozinhamos na época do natal). E tem uma imagem que é o fruto da nogueira, é uma nóz. Mas sua pesquisa é bem pertinente.

Postar um comentário

 
Powered by Blogger